Assuntos que caem no Enem 2016

Atualizado em: dezembro 1, 2015

by Enem 2016 on 01/12/2015

Assuntos que caem no Enem 2016: O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi criado pelo Ministério da Educação (MEC) para avaliar o desempenho dos estudantes ao final do ensino médio. Assim, cobra conteúdos aprendidos durante esses três anos, o que se for pensar bem é muita coisa.

Com isso, surgem algumas perguntas na cabeça dos participantes, para quais temas é preciso dar mais atenção? Quais costumam aparecer com mais frequência no Enem 2016? O que cairá na prova de biologia? E na de língua portuguesa? O teste de matemática terá mais questões de probabilidade ou de geometria? E o de história, um foco maior no Brasil ou no mundo?

A resposta, é claro, só virá nos dias do exame. Porém, com o intuito de lançar alguma luz sobre isso, fizemos uma pequena análise das provas aplicadas desde 2009 (ano em que o exame passou a ter o formato atual) e apontaram alguns dos temas mais pedidos e a forma que costumam ser cobrados. No entanto, isso não significa que você deve deixar de estudar os outros, mas é uma boa orientação sobre o que merece mais de sua atenção.

Importante é começar compreendendo alguns documentos oficiais sobre os assuntos do Enem 2016. Eles estão disponíveis no endereço eletrônico http://portal.inep.gov.br/web/enem/conteudo-das-provas. A leitura complementar das regras do Exame também são de extrema importância e estão disponíveis na área de Legislação e Documentos.

Conteúdo e Assuntos do Enem 2016

Assuntos que caem no Enem 2016

Assuntos que caem no Enem 2016

A área de Ciências Humanas, no caso, História, Geografia, Sociologia e Filosofia. Os temas abordados são bastante abrangentes. Em História, o exercício da cidadania e da reivindicação por liberdade; direitos humanos, incluindo igualdade de gênero, racismo e homofobia; a importância dos movimentos sociais, como por exemplo, movimento operário e suas lutas; a História do Brasil. Já em relação à Geografia, os temas cobrados são um pouco mais específicos. O Enem costuma basear suas questões também nos aspectos que envolvem o Brasil, normalmente sobre indústria, água, energia, urbanização e impactos ambientais da poluição.

Em Filosofia e Sociologia, o exame tem cobrado um pouco além de uma simples leitura e interpretação de texto, tem sido cobrados conceitos fundamentais, o que implica a exigência do domínio dos temas.

A área de Ciências da Natureza é composta pelas disciplinas de Física, Química e Biologia. Na Área de Física, a principal dica é que o candidato estude bastante os tópicos relacionados à mecânica, energia e eletricidade. Em termos de conteúdo específico, temas ligados a transformações de energia, energia térmica, mecânica newtoniana e eletricidade, principalmente envolvendo circuitos elétricos de residências, são os mais pedidos na prova.

Veja também nosso Guia da Redação do Enem 2016.

Em Química, estequiometria, termoquímica, geralmente pedindo o cálculo da quantidade de calor liberado na queima de diferentes materiais, como combustíveis, e equilíbrios químicos também são comuns. Em química orgânica, o que tem sido pedido é o reconhecimento das funções orgânicas. Sendo provável que apareça nomenclatura, formulação orgânica, isomeria e reações orgânicas. Já em Biologia, o Enem costuma cobrar os temas de ecologia, seguido por evolução, fisiologia e genética.

Em Linguagens Códigos e suas tecnologias, a maior parte das questões, de todas as matérias, depende de uma boa capacidade de interpretação de texto e leitura. É importante ficar atento aos conceitos de denotação e conotação, que costumam ser cobrados e podem confundir o aluno. Os alunos devem se preparar para responder questões sobre o modernismo, comparação entre tipos de texto, linguagem formal e informal, classes de palavras, sintaxe.

A prova de Matemática e suas Tecnologias vêm cheias de gráficos, tabelas, esquemas e infogramas que devem ser interpretados com cuidado. Cai muito nas provas questões de funções de 1° e 2° graus, progressão aritmética e geométrica, estatística, grandezas proporcionais, trigonometria, análise combinatória e probabilidade, áreas de figuras planas/prismas, cilindros, cones e esferas, porcentagem, equações de 1º e 2º grau.

Como o conteúdo das provas do Enem 2016 é extenso, é essencial que o candidato obtenha um material de estudo que possa norteá-lo nessa caminhada em busca dos seus objetivos no exame, adquira já a sua Apostila Enem 2016 e inicie sua preparação com o melhor e mais completo material de estudo disponível no mercado.

Para mais informações, curta e compartilhe o Enem 2016 no Facebook. Boa sorte!

Assuntos que caem no Enem 2016
2.38 (47.5%) 40 votos

Leave a Comment

Texto anterior:

Próximo texto: